Misses veteranas fazem ensaio para promover uso de biquíni após os 50 anos

Da esquerda para direita: Della Draper, de 51 anos, Gay Spink, de 60,anos e Pat Morgan, de 53 anos - Créditos: Reprodução/isme.com

As veteranas Gay Spink, de 60 anos, Pat Morgan, de 53 anos, e Della Draper, de 51 anos — misses Grã-Bretanha e Miss Reino Unido —, resolveram se reunir por uma causa especial; provar que as mulheres que já passaram dos 50 não precisam deixar de usar biquíni.

Além do título de Miss, as três tem em comum a confiança de que estão mais felizes com seus corpos atuais.

Após ser eleita Miss Grã-Bretanha, em 1973, Gay Spink teve que caminhar pela Oxford Street, em Londres, vestindo apenas um biquíni e algumas joias. Mesmo após o momento glorioso, ela garante que se sente melhor com seu condicionamento físico atual.

[wzslider height=”580″ info=”true”]

“Sinto que meu corpo está muito melhor que há 25 anos. Aos 35, eu tive três filhos e fiquei completamente fora de forma”, disse ao The Mirror.

“Corro regularmente. Quando completei 40 anos participei do meu primeiro triátlon e da maratona de Londres. Se em 1973 você dissesse a uma garota de 22 anos que ela iria correr maratonas aos 60, ela não acreditaria”, disse Gay.

Da esquerda para direita: Della Draper, de 51 anos, Gay Spink, de 60 anos e Pat Morgan, de 53 anos - Créditos: Reprodução/isme.com

Pat Morgan, de Newcastle, continua a trabalhar como modelo 35 anos após ser coroada Miss Grã-Bretanha, e também se mostrou mais confiante com seu corpo atual.

“Como de forma saudável e faço exercícios para me sentir bem — ser magrinha é um bônus. É um clichê, mas a idade é apenas um número. Sua aparência melhora quando você se sente bem. A vida ficou melhor aos 40 e até aos 50, e acredito que vá melhorar ainda mais aos 60. Me sinto muito mais confortável com meu corpo”, afirmou.

Já Della Draper cuida atualmente de um negócio de joias junto com as duas filhas. Ela foi eleita Miss Reino Unido em 1982, faz caminhadas e anda de bicicleta para manter a forma.

“Não me privo de nenhum tipo de comida, e todas as tardes tomo uma xícara de chá com algum doce. Já abracei a verdade, tenho mais de 50 anos e sou muito grata por ser uma pessoa feliz e ter saúde. Não acredito em cirurgias. Sim, meu corpo está caindo, mas não fico triste porque já aceitei essas mudanças”, completou Della.

Da esquerda para direita: Della Draper, de 51 anos, Gay Spink, de 60 anos e Pat Morgan, de 53 anos - Créditos: Reprodução/isme.com

As afirmações das três misses coincidem com o resultado de uma enquete promovida pela loja online Isme.com. De acordo com o resultado da pesquisa, 87% das mulheres com mais de 50 anos estão mais felizes com o corpo atual do que com o corpo que tinham com 20 anos.

O estudo foi encomendado para ajudar a promover a nova linha de moda praia da grife, criada especialmente para mulheres com mais de 50 anos.

  • ana

    bela coroa

  • Janete

    É isso ai meninas,nunca fui miss mas adoro meu corpo aos 53 anos..faço academia e sou uma pessoa super feliz…amada pelo marido e tenho dois lindos filhos…jamais mentiria minha idade..sou grata por tudo que conquistei.. uhuu….

  • Melhores que muitas mulheres de 25, 30, 35. In shape!

  • joao luiz da silva

    nunca e tarde para mostrar a sua beleza

    • Sarah

      É isso aí, lindo ! Pra que preconceito ?

    • Sarah

      É isso aí, garoto ! Pra que preconceito ?

  • vania silva

    Essas misses apesar da idade continuam esbanjando beleza e sensualidade.Parabéns!

  • Alzira Martins

    Que lindas , idade é um estado de espirito